Reserve Agora
  • Endereço:  Estrada municipal ITA330 km 2,5 (segunda entrada no asfalto da MG030 para Engenheiro Correa e Ouro Branco)., Itabirito, Minas Gerais, Brazil
  • Celular:  +5531996361896
banner

Nossa História

Nossa História

Cuia - a casca do fruto da cuieira, que, depois de seca e limpa, é empregada pelos indígenas como prato.

O nome Caco de Cuia tem sua origem num evento ocorrido com um antigo proprietário, que, após sofrer um acidente e ficar com uma pequeno buraco na cabeça, colocou um pedaço de cuia para esconder o ocorrido. A partir deste imprevisto, a fazenda ficou então conhecida como a fazenda do Caco de Cuia. Em certidão futura o nome mudou de Fazenda da Granja para Fazenda Caco de Cuia.

Nos anos 50 a fazenda Caco de Cuia já era uma referência local de produção de hortaliças e frutas em parceria com imigrantes japoneses, especialmente através de dona Aída e seus familiares. No local foi construído um dos primeiros silos de encosta do estado de Minas Gerais, com 200 toneladas de capacidade, utilizado para a conservação de forragens a serem usadas para a alimentação do gado no período da seca.

No ano de 1975, a fazenda foi adquirida pelo médico ortopedista e professor José Henrique Godoy da Matta Machado, como local de lazer para sua família. Inicialmente estruturada para a pecuária de leite, no ano de 1981 foi convertida para a agricultura orgânica e biodinâmica, sendo uma das primeiras fazendas em Minas Gerais a ser certificada como orgânica.

No ano de 1988 a casa-sede da fazenda foi reformada e transformada em hotel, e no ano de 2010 iniciou-se uma renovação da sede, incluindo uma reforma de um antigo galpão transformado em espaço para eventos. A fazenda vem se transformando pouco a pouco, tornando-se um espaço cada vez melhor para os hóspedes.